ENFERMAGEM

ENFERMAGEM
É ISTO

quinta-feira, 29 de junho de 2017

BIOQUÍMICA — ÁCIDOS NUCLEICOS — ÁCIDO RIBONUCLEICO (ARN)

    Consideremos os quatro nucleótidos descritos anteriormente, AMP, GMP, CMP, UMP, ou na sua forma trifosfatada, ATP, GTP, CTP e UTP.
    A hidrólise do pirofosfato liberta energia suficiente para que se faça uma ligação do fosfato restante com a ribose de outro nucleótido:
Formação dum dinucleótido
    De um modo análogo, um grande número de nucleótidos se ligará, formando um polinucleótido:
Formação dum polinucleótido
     Desta forma se origina uma molécula de ácido ribonucleico.
    A ligação entre o fosfato dum nucleótido e a ribose do nucleótido seguinte faz-se por esterificação de C3 da pentose:
Ácido ribonucleico (ARN)
    Verificamos que a molécula de ARN tem um esqueleto constituído por moléculas de ribose e de fosfato, alternadas.
    Deste esqueleto saem perpendicularmente as diversas bases

Sem comentários:

Enviar um comentário