ENFERMAGEM

ENFERMAGEM
É ISTO

terça-feira, 20 de junho de 2017

ANTROPOLOGIA — NORMA LATERAL (CAMPER) — 5

    Os métodos utilizados na avaliação do grau de prognatismo da face são diversos.
    Estes cálculos obtêm-se medindo ângulos, calculando segmentos ou diâmetros, determinando áreas ou ainda empregando formas mistas.
    A existência de diversos tipos de prognatismo perturba a sua avaliação métrica e, assim, a primeira dificuldade levanta-se de imediato, logo que se procura definir a linha ou o plano fundamental que servirá de base para o seu cálculo e estudo.
    O ângulo de prognatismo facial mais evidente e fácil de medir é o ângulo bimaxilar de Broca:
Ângulo bimaxilar de Broca
    Este ângulo é delimitado pelo encontro no vértice do bordo cortante dos dentes incisivos superiores de duas linhas, tangentes à face humana, que em cima se apoiam nos pontos mais salientes da região frontal e em baixo na procidência do mento.
    Pode ser determinado no indivíduo revestido das partes moles.
    Neste ângulo considera-se a totalidade da face, e por este facto ele é o primeiro ângulo de prognatismo a ser apreciado.
    Possui interesse notável nos estudos e nas pesquisas de Anatomia Artística, mas a sua importância no campo da Anatomia Comparativa e da Bioantropologia é bastante reduzido.
    É um ângulo muito fácil de determinar mesmo na cabeça óssea mas a sua medição exige a existência da mandíbula correspondente ainda com os dentes incisivos implantados, o que só raramente acontece.
    O ângulo facial de Camper mede-se apenas na face superior, quer dizer, é um ângulo facial que não leva em consideração as características da mandíbula
Ângulo facial de Camper

    A sua utilização resulta quase sempre de se não possuir o osso maxilar inferior.
    A sua linha básica passa pelo centro do buraco auditivo externo ("aurion") e pelo bordo inferior da chanfradura nasal.
    A linha da face é fronto-dentária.
    Este ângulo reveste elevado interesse zoológico e bioantropológico.
    O ângulo de Jacquart é semelhante ao ângulo de Camper:


    Neste ângulo considera-se a linha aurio-nasal e a linha dos pontos mais salientes da face quando observada de perfil, vindo, deste modo, o seu vértice a ficar próximo da extremidade da espinha nasal
    O vértice do ângulo de Cuvier é o ponto de encontro da linha tangencial à fronte e ao bordo livre dos dentes incisivos superiores com a linha fundamental auriculo-alveolar.
    O seu vértice é assim igualmente justa-alveolar:

Sem comentários:

Enviar um comentário