ENFERMAGEM

ENFERMAGEM
É ISTO

quarta-feira, 10 de maio de 2017

BIOLOGIA — ENERGIA QUÍMICA

    A energia química é a energia potencial encerrada em ligações químicas.
    É a energia acumulada que se usou para formar em primeiro lugar a ligação e está presente em todas as moléculas.
    Pode medir-se a quantidade de energia química numa substância quebrando as ligações moleculares de algum modo e medindo então a energia cinética libertada sob a forma de calor.
    Utiliza-se para este fim um instrumento chamado calorímetro
    Num calorímetro, a substância sujeita a teste é queimada e o calor cedido é determinado pela medição do aumento de temperatura de um banho de água circundante.
    Por definição, caloria é a quantidade de calor necessária para aumentar a temperatura de 1 mililitro de água de 1 grau centígrado.
    Utilizando este vapor, podemos exprimir a quantidade de calor libertado quando se quebram as ligações em várias espécies de substâncias.
    Por exemplo: 1 grama de açúcar de consumo corrente liberta aproximadamente 4000 calorias de energia calorífica quando é queimado:


    Actualmente, os dietistas usam uma "grande Caloria" para exprimir a energia química contida nas substâncias alimentares.
    Por definição, esta grande Caloria é equivalente a 1000 "pequenas calorias".
    Cem gramas (cerca de 4 fatias) de pão branco contêm 270 grandes Calorias (ou 270 000 pequenas calorias):


    Se alguém comesse este pão, uma parte da sua energia potencial seria libertada sob a forma de calor e contribuiria para o aquecimento do corpo.
    Outra parte da energia seria usada para tornar possíveis outras reacções químicas, tendo como resultado a formação de novos compostos químicos.
    Esta parte da energia é então acumulada como energia potencial nas ligações de novos compostos.

Sem comentários:

Enviar um comentário